Brasil vive hoje Dia Nacional de Mobilização Zika Zero


O Brasil vive neste sábado um dia crucial no combate ao mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão da dengue, da febre chikungunya e do zika vírus. O “Dia Nacional de Mobilização Zika Zero” vai promover ações de conscientização em 350 municípios, alcançando aproximadamente três milhões de famílias em todo o País, com a participação de ministros, da presidenta Dilma Rousseff, de agentes de saúde e de 220 mil militares.

Ações de mobilização contra o Aedes serão realizadas em todas as capitais brasileiras e também em cidades consideradas endêmicas, conforme acompanhamento realizado pelo Ministério da Saúde, com a presença de ministros e autoridades do governo. A presidenta Dilma Rousseff integrará as ações na cidade do Rio de Janeiro.

O trabalho vai contar com o apoio de 220 mil militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, responsáveis pela distribuição de material educativo e pela orientação da população. Os panfletos também apresentam dicas sobre como proceder para evitar que novos criadouros do mosquito sejam criados.

Segundo o ministro da Defesa, Aldo Rebelo, o trabalho de conscientização da população para a limpeza das residências é essencial para o êxito no combate ao Aedes. “Não adianta o poder público limpar áreas públicas se não houver uma ação da população, removendo de dentro das casas os focos do mosquito”, explica.

A partir da próxima segunda-feira (15), um grupo de 50 mil militares visitará residências em 115 cidades para eliminar nascedouros do mosquito. A ação segue até a quinta-feira (18).


Comentários