Vereadores aumentam próprio salário e são atacados com esterco pelo povo

Acha que os políticos têm feito muita merda contra o povo e queria dar o troco de alguma forma? Pois veja o exemplo: o plenário da Câmara Municipal de Vereadores de Campina Grande amanheceu com um cheiro, no mínimo, desagradável. Manifestantes espalharam cerca de 100 quilos de esterco no hall de entrada e na rampa de acesso da instituição.

O movimento, composto por estudantes, foi em protesto à total falta de noção no trato da população, por conta do momento em que vive o país. Um projeto aprovado na manhã da última quarta-feira (14/12), deu reajuste salarial de 26,3% nos salários dos parlamentares.

Luiz Felipe Nunes, estudante de direito, acredita que a decisão dos parlamentares é um absurdo, especialmente se for levada à diante;.

O reajuste salarial e concessão de 13ª salário aos vereadores foi apresentado pela Mesa Diretora da Câmara e aprovado por 14 votos a zero. O novo presidente da Câmara vai ganhar R$ 22.700,00. Além disso, também implantaram o 13º salário para os vereadores. O custo disso? R$ 900 mil por ano.

Em resposta, o presidente da Câmara, Pimentel Filho (PSD), disse que vai entrar na justiça contra os manifestantes por depredação ao patrimônio público. Ele comunicou, ainda, que não vai revogar o reajuste. Em relação à implantação do 13º, Pimentel explicou que várias Câmaras espalhadas pelo país já implantaram o benefício e que também não vai revogar. Fonte

Comentários